IMPRENSA

Super Seleta: Mascote criado em 2011 chega para reforçar a coleta seletiva

18.10.2019 · Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico
  • superseleta2

A campanha Lixo Certo está ganhando um novo reforço. Em sua segunda etapa, o mascote criado em um concurso municipal realizado em 2011, chega para ajudar na divulgação da coleta seletiva. O Super Seleta, uma lata de lixo com superpoderes, fez parte da implantação do primeiro projeto de reciclagem na cidade.

 

Na época, uma comissão foi responsável por escolher entre os desenhos dos alunos das escolas de São Gabriel do Oeste, a ilustração que melhor representaria o antigo projeto Reviver e a coleta seletiva no município. A arte apresentada pelo então aluno do 5º ano A da Escola Estadual Creuza Aparecida Della Coleta, João Pedro de Oliveira Mendes, foi a campeã e ajudou na promoção da campanha, ilustrando panfletos, imãs e cartazes que foram distribuídos.

 

Agora, o Super Seleta está de volta e vem para contribuir com o processo de destinação correta do lixo da cidade. Com a utilização do mascote, a Prefeitura espera reforçar a conscientização sobre a importância do descarte correto de materiais recicláveis e da separação do lixo residencial. O mascote ainda deve percorrer as escolas do município, fazendo um trabalho de educação ambiental e explicando sobre o que é a coleta seletiva.

 

A segunda etapa da campanha será lançada oficialmente no dia 31 de outubro, quando acontecerá o primeiro transbordo de resíduos do município. O sistema de transferência de lixo para o aterro sanitário de Campo Grande deverá operar a partir de novembro.

 

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico, Roberto Emiliani Júnior, o transbordo será realizado por meio de um convênio com a Solurb, que efetuará a disposição final e tratamento dos resíduos domiciliares e comerciais do município. “Devem ser encaminhados para o aterro, apenas os rejeitos e materiais orgânicos da cidade, já o reciclável continuará a ser reaproveitado e processado pela COOPERASGO”, disse.

 

“Para que o transbordo dê certo, é importante que a população participe e que nos ajude com a separação correta do lixo colocando os orgânicos e rejeitos para coleta nos dias certos. Os recicláveis continuam sendo coletados apenas na terça e na quinta-feira. Devemos ficar atentos e estar conscientes que somente com a ajuda de cada um, a coleta seletiva funcionará com eficácia na cidade”, finalizou Roberto.

 

 

Para navegação via teclado,
utilize a combinação de teclas
conforme o modelo abaixo:
ALT + [N° de atalho]

Atalhos de navegação:
Atalhos para contraste do site:
7 Cor original
8 Com contraste
Tamanho da Fonte
A+ A-