IMPRENSA

Famílias do programa Família Acolhedora recebem certificados

01.11.2018 · Secretaria Municipal de Assistência Social
  • mg_5502resultado
  • mg_5476resultado
  • mg_5454resultado
  • mg_5469resultado
  • mg_5472resultado

Dez famílias que se inscreveram no programa Família Acolhedora e que participaram do curso de capacitação, receberam nesta terça-feira, 30 de outubro, a certificação de que estão aptas para acolher em suas casas, crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social, violência ou abandono. O evento aconteceu na sede da Associação Unidos da Feliz Idade (AUFI).

 

Para a secretária de Assistência Social, Rosane Moccelin, o programa tem repercutido positivamente entre a população de São Gabriel do Oeste, que atendeu ao convite da Assistência para auxiliar crianças e adolescentes afastados da família biológica por medidas de proteção. “Muitas crianças terão agora a oportunidade de estar em um lar tranquilo, onde receberão afeto e proteção enquanto aguardam para a reinserção no seio familiar”, disse a secretária.

 

Em sua fala durante o evento, o juiz Eduardo Eugênio Siravegna Jr., reforçou a importância do trabalho em conjunto entre a Prefeitura e o Poder Judiciário, além do papel das famílias que estarão realizando o acolhimento. “Esta é a materialização de um trabalho em conjunto, instituindo este serviço tão significativo para a comunidade, onde as famílias habilitadas assumem o papel de parceira no atendimento e na preparação das crianças e adolescentes para o retorno à família biológica ou substituta”, disse o juiz.

 

Entre as participantes que receberam o certificado, estava Márcia Becker, que se cadastrou para atuar no programa. “Quando fiquei sabendo sobre o Família Acolhedora procurei a Secretaria de Assistência Social para fazer o cadastro. Sempre tive vontade de ajudar e coloquei a minha família a disposição para alimentar, vestir, cuidar, dar atenção, carinho, afeto e uma casa segura para esses jovens; abraços e dedicação com certeza não vão faltar”, comentou Márcia.

 

Estiveram presentes na solenidade, a juíza Samantha Ferreira Barione, a vice-prefeita Ivone Pierezan, o vereador Fernando Napp Rocha, que acompanhou o projeto desde a fase de estudo até a implantação, a conselheira do Conselho Tutelar, Juliana Baraldi e a Assistente Social Judiciária, Camila Santos de Almeida.

Para navegação via teclado,
utilize a combinação de teclas
conforme o modelo abaixo:
ALT + [N° de atalho]

Atalhos de navegação:
Atalhos para contraste do site:
7 Cor original
8 Com contraste
Tamanho da Fonte
A+ A-